Agora é que vem a conversa dos árbitros? Em 66 foi assim, em 86 o Maradona marcou com a mão em 2000 a França marcou de penalti a Portugal sem que ninguém tivesse certeza da mão do faizal.
Com 4-1 falem do jogo.
Porque é que o vosso blog não fez posts de arbitragem até aqui? Querem os casos todos para analisarem?
estavam a ir bem mas estou a ver que temos muitos Rui Santos por aqui.
E já agora querem o quê? Mudar regras no meio do Mundial?

J.N.D.
Anónimo a 27 de Junho de 2010 às 22:13
J.N.D.

acho que esse comentário não é para este texto. Eu falei do jogo e não ignorei o golo anulado.
J.G. a 27 de Junho de 2010 às 22:55
Os acontecimentos foram demasiado marcantes para ser ignorados, daí o post do Pedro Varela.

De qualquer forma eu já tinha, logo no início, recordado alguns casos de Mundiais anteriores. Concordo contigo que o mais importante é o futebol jogado, mas a arbitragem faz parte disto. Importante é não cairmos no erro de colocar os casos acima do próprio futebol. O post que refiro pode ser lido aqui:

http://jabulani.blogs.sapo.pt/tag/arbitragem

Quanto à referência ao Rui Santos, é injusta. Não existe entre nós consenso sobre o recurso às tecnologias. Há quem seja favor, há quem seja contra (repara que o Spinafro afirma isso mesmo na crónica do Argentina - México), há quem ache que tudo depende do tipo de caso que se pretende analisar.
N.T. a 27 de Junho de 2010 às 23:07
sou frontalmente contra!
Spinafro a 27 de Junho de 2010 às 23:16